sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Homem foragido da polícia é preso, em Estação

Por volta das 19h15min, a Brigada Militar recebeu uma denúncia anônima de que na RS 135 havia um homem foragido da justiça. A guarnição se deslocou ao local e abordou um indivíduo com as características repassadas. Em consulta ao sistema informatizado de dados verificou-se que o homem de 59 anos de idade realmente possuía um mandado de prisão. O mesmo foi encaminhado a Delegacia de Polícia e posterior ao Presídio de Getúlio Vargas.
Imagem ilustrativa

Capa da edição desta sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018, encartado A Folha Rural


quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Envio de Moção de Protesto à RGE é aprovada pelo Legislativo de Getúlio Vargas

Vereadora Deliane Assunção Ponzi


O Poder Legislativo de Getúlio Vargas aprovou por unanimidade, na Sessão Ordinária realizada no dia 8 de fevereiro, a Moção n.º 002/18, de autoria da vereadora Deliane Assunção Ponzi (PMDB) solicitando que seja encaminhada Moção de Protesto à RGE em função da demora nos atendimentos quando ocorre falta de energia elétrica por queda da chave dos postes e fios de alta tensão.





De acordo com a Vereadora isso gera transtornos e graves prejuízos aos usuários, principalmente da área rural e industrial, uma vez que em alguns casos a demora para o reparo é superior a 03 (três) dias. "Nós como cidadãos pagamos a nossa conta de luz no dia certo para que não venha corte, mas quando acontece uma queda, como aconteceu há pouco na comunidade Pio X, onde foram cinco dias para voltar a energia elétrica e os agricultores não tinham como tirar o leite, porque precisam da ordenhadeira elétrica, não tinham como resfriar litros e litros de leite, perderam freezeres inteiros de carne, ninguém indeniza eles", comentou Deliane.
A Moção foi aprovada por unanimidade.

Assessoria de Comunicação da Câmara de Vereadores.

Vereadores aprovam inclusão do relógio e sino da Igreja Matriz Imaculada Conceição como patrimônio histórico do Município

  
A Câmara de Vereadores de Getúlio Vargas aprovou na última Sessão Ordinária, realizada na quinta-feira, dia 8 de fevereiro, uma Indicação de autoria do vereador Vilmar Antonio Soccol, que sugere a Secretaria de Educação, Cultura e Desporto, através do Departamento da Cultura, que inclua o relógio e o sino da Igreja Matriz Imaculada Conceição, como patrimônio histórico do Município.

Engrenagens do relógio da Igreja Matriz de Getúlio Vargas. 


Igreja Matriz Imaculada Conceição.
Foto: Arquivo jornal A Folha Regional


Quando colocado em discussão a proposição, Soccol pediu a palavra e explicou a motivação da Indicação. "Essa relíquia, história de Getúlio Vargas ficou parada por praticamente um ano, porque algumas pessoas achavam que o sino incomodava o seu descanso. Mas tendo em vista que faz parte da história do Município, que é uma obra que o Padre Cônego Stanislaw Olejnik montou em Getúlio Vargas, e que é a história que todos nós, inclusive nossos avós, participaram, não só da Igreja Católica, mas em todas elas”.
De acordo com o Vereador, o objetivo é que não seja mais possível a retirada do sino e nem do relógio. “É o mesmo que retirar partes da nossa história”, finalizou.
Os demais vereadores se posicionaram a favor da Indicação, que foi aprovada por unanimidade.

A história

25 de outubro de 1911, o bispo de Santa Maria criou o Curato de Erechim - que era o nome da atual cidade de Getúlio Vargas - desmembrado da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição Aparecida de Passo Fundo. Sua extensão era um pouco maior do que a atual Diocese de Erechim. Atualmente, a Paróquia conta com 4.288 famílias cadastradas, integradas em 26 comunidades rurais e 11 urbanas. Abrange também o município de Floriano Peixoto. No ano de 2011, a Paróquia comemorou 100 anos de sua criação com uma grande festividade e a inauguração do seu Centro Comunitário, que levou o nome de Centenário para assinalar a data.
Fonte: Assessoria de Comunicação da Câmara de Vereadores

Presidente do Poder Legislativo de Getúlio Vargas esteve em Brasília em busca recursos

O Presidente do Poder Legislativo de Getúlio Vargas, vereador Aquiles Pessoa da Silva (PP) esteve em Brasília nos dias 6 e 7 de fevereiro. Acompanhado pelo prefeito de Getúlio Vargas, Mauricio Soligo (PP), o Presidente apresentou aos parlamentares demandas do município e foi em busca de verbas que possibilitem melhorias. Também estiveram na viagem a secretária Municipal de Educação, Cultura e Desporto, Sandra Betiatto, e a gestora municipal de contratos e convênios, Tatiane Giaretta.

Vereador Aquiles com o deputado federal
Jair Bolsonaro (PSL), 

com o deputado Danrlei de Deus (PSD), 


e o deputado Covati Filho (PP). 

A comitiva foi recebida nos gabinetes de vários deputados. O presidente do Poder Legislativo,  vereador Aquiles Pessoa da Silva esteve com o deputado Covatti Filho (PP) e na ocasião protocolou uma solicitação no valor de R$ 1 milhão, para aquisição de um britador, junto ao Ministério da Agricultura. No documento consta que o pedido é para apoio ao pequeno e médio produtor agropecuário, e que “vale ressaltar a importância que hoje o homem do campo tem para a agricultura do nosso país, com o cadastramento desses projetos, será possível dar condições de trabalho para o produtor rural, mantendo a família no campo com mais renda e produtividade”.
Aquiles também solicitou aos deputados R$ 250 mil em emendas para serem empenhadas até o fim de março. O Presidente esteve com os Deputado Jair Bolsonaro (PSL) e Danrlei de Deus Hinterholz (PSD).
Na última Sessão Ordinária do Poder Legislativo, realizada na quinta-feira (8), o Presidente Aquiles falou sobre a ida a Brasília, as aquisições do Poder Executivo e disse que “foi uma viajem que deu resultado”.
Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Câmara de Vereadores

Casal é preso por abusar da filha de 4 anos em Água Santa

Na última sexta-feira (2), a Polícia Civil de Tapejara prendeu um casal acusado de abusar sexualmente da própria filha no interior do município de Água Santa. Há 20 dias, a mulher de 39 anos e o homem de 41 anos haviam perdido a guarda da filha de quatro anos.
Foto Divulgação - Polícia Civil 

O fato foi descoberto quando a madrinha dava banho na criança e viu que ela estava machucada. A menina relatou o abuso por parte do pai e que teria o consentimento da mãe.
A denúncia foi encaminhada para o Conselho Tutelar e para polícia. A criança passou por exames no Hospital São Vicente de Paulo.
Após investigações, a Polícia Civil conseguiu uma autorização judicial e prendeu o casal no presídio de Getúlio Vargas. O nome dos pais não foi divulgado para preservar a identidade da vítima.
Fonte: Rádio Uirapuru

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Salão da comunidade Linha Seis de Getúlio Vargas é arrombado

Por volta das 08h10mim (12), a guarnição de serviço se deslocou até o salão da comunidade de Linha Seis no interior do município, onde foi comunicado que havia sido arrombado uma janela do salão e subtraído do local uma geladeira e bebidas que estavam na copa do salão, sendo confeccionado o Boletim de Ocorrência