segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Jovens praticam ato de solidariedade no Banco de Sangue


A Associação Beneficente dos Receptores de Sangue de Erechim (Aberse) mantém a metodologia de trabalho de abrir a unidade hemoterápica um sábado ao mês, pelo turno da manhã, para atender os doadores de sangue que não conseguem realizar o ato altruísta nos dias habituais de coletas, de segunda a sexta feira, pela manhã.
No último sábado (5), numa parceria com a Igreja Assembleia de Deus, através da campanha “O amor corre nas veias”, foram realizadas 17 coletas de sangue.
Um grupo de jovens voluntários da igreja participou da iniciativa. “Ações como essa, carregadas de generosidade, contribuem para uma sociedade mais humanizada, igualitária e solidária”, pontuou o ex-administrador judicial da entidade, Jackson Arpini.
O serviço hemoterápico, que atende toda a região de Amau, abre suas portas um sábado ao mês para facilitar o acesso aos doadores que não conseguem se deslocar até o serviço de saúde nos dias de semana.
Em média são realizadas 300 coletas ao mês, o que proporciona um quantitativo suficiente para atender a região. Contudo, as ações voluntárias são relevantes para regular os estoques, considerando que em períodos de muito frio há uma significativa diminuição no número de coletas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário