quinta-feira, 14 de julho de 2016

Vários municípios registraram prejuízos entre a noite de quarta e a madrugada de quinta

Foto: Divulgação 90.3 FM Não-Me-Toque

Várias cidades do Norte gaúcho tiveram granizo ontem à noite com destelhamentos de casas e galpões e danos em lavouras. Em Não-Me-Toque supercélula trouxe imensa quantidade de gelo e o granizo acumulou nas ruas em cenário que mais parecia o de uma nevasca. Bueiros ficaram entupidos e o município ainda não sabe mensurar os prejuízos. Houve queda de árvores entre Tio Hugo e Tapera e também entre Carazinho e Não-Me-Toque. Um caminhão tombou próximo a Tio Hugo no momento do granizo. Em Água Santa, próximo a Tapejara as pedras de gelo formaram bolas. 
Mais de vinte cidades do Paraná foram atingidas por temporais de vento e, sobretudo, granizo na tarde e noite da terça-feira por conta de então frente fria que se tornou semi-estacionária sobre o Sul do Brasil. As pedras de granizo chegaram a romper a janela da cabine de comando de uma aeronave da Latam em voo para Porto Alegre que alternou, por segurança, para São Paulo. Este sistema voltou a se intensificar ontem no fim da tarde e à noite sobre Santa Catarina e a Metade Norte do Rio Grande do Sul e avançava para Sul. 
A MetSul alerta que os volumes de chuva podem ser bastante altos hoje no Norte do Estado, para onde o modelo numérico WRF indica de 100 mm a 150 mm só no dia de hoje em algumas localidades da região, ou seja, chuva de um mês em apenas um dia. 
Informações da MetSul Meteorologia
FONTE: O NACIONAL

Nenhum comentário:

Postar um comentário