quarta-feira, 29 de março de 2017

AMAU se posiciona oficialmente sobre a reforma da previdência

A moção será entregue aos Senadores, Deputados Federais Gaúchos, Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (FAMURS) e a Confederação Nacional de Municípios (CNM)

Prefeitos associados da Amau durante assembleia. 



Em assembleia geral, a Associação de Municípios do Alto Uruguai – AMAU, aprovou e manifesta-se oficialmente sobre a posição da entidade com a Reforma da Previdência – PEC 287/16.
A moção será entregue aos Senadores, Deputados Federais Gaúchos, Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (FAMURS) e a Confederação Nacional de Municípios (CNM).
Na oportunidade em que uma comitiva da região esteve em Porto Alegre, no dia 21, foi entregue esta moção para os nove deputados estaduais que estiveram participando de uma reunião com os prefeitos, vice-prefeitos e secretários municipais.
Na assembleia os prefeitos realizaram um amplo debate e cada um teve a oportunidade de se manifestar e defender a própria sociedade e seus direitos.

Manifestação da AMAU sobre a Reforma da Previdência

A Associação de Municípios do Alto Uruguai – AMAU – por decisão de seus representantes em assembleia Extraordinária se posiciona contra a Reforma da Previdência da forma como está. Entende ser necessário fazer uma reforma para garantir o direito do trabalhador e garantir o sistema de seguridade e aposentadoria no futuro para o trabalhador. Deve-se permitir uma discussão mais ampla deste tema, reavaliar a situação do déficit previdenciário, cortar os privilégios e vantagens indevidas que existem e assim garantir uma reestruturação do sistema previdenciário, as conquistas do trabalhador rural e da educação não podem ser modificadas. Não podemos permitir a retirada de direitos adquiridos dos aposentados rurais e urbanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário